♂Saúde ♀ diversas categorias - dicas♀

♂Saúde ♀ diversas categorias - dicas♀

Pesquisar

Mostrando postagens com marcador células. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador células. Mostrar todas as postagens

17/01/2018



Luz Solar Pode Ser a Chave para a Perda de Peso  





Exposição à luz solar

Luz Solar .

Pode Ser a Chave para a Perda de Peso
em 
Dieta
Dieta na Mídia

Um novo estudo – de pesquisadores da Universidade de Alberta em Edmonton, Canadárevela um culpado inesperado para o ganho de peso no inverno: a ausência de luz solar.



Os pesquisadores, liderados por Peter Light, oriundos do Alberta Diabetes Institute, examinaram o efeito da luz solar em células de gordura subcutânea ou células de gordura brancaque podem ser encontradas logo abaixo da nossa pele.

Os resultados de sua investigação tornaram este um estudo inovador, que foi publicado recentemente na revista Scientific Reports.

Como a luz solarqueima” a gorduraPeter Light e equipe examinaram o chamado tecido adiposo branco subcutâneo (scWAT), que, como os autores explicam, é o principal depósito de gordura em seres humanos e tem um papel central na regulação do metabolismo do corpo inteiro”.

A gordura branca é conhecida como o 
tipo de gordura ruim”, 
pois armazena calorias 
que seriam idealmente 
queimadas por energia. 
 
Se for disfuncional, 
esse tipo de gordura pode levar a distúrbios cardiometabólicoscomo obesidadediabetes doença cardíaca.

Então, na tentativa de ajudar as pessoas com diabetes tipo 1Light colegas estavam trabalhando na forma de engenharia genética dessas células de gordura branca para produzir insulina quando expostas à luz.

Por acaso, eles descobriram que as células ScWAT tendem a encolher sob o efeito da chamada luz azul do sol – isto é, o tipo visível de luz que aumentaatenção humor durante o dia.


Isto foi o que eles encontraram:

“Quando os comprimentos de onda da luz azul do sol – a luz que podemos ver com o olho penetram a nossa pele e atingem as células de gordura logo abaixo, as gotículas lipídicas reduzem o tamanho e são liberadas para fora da célulaEm outras palavras, nossas células não armazenam tanta gordura “.

Ganho de peso no inverno explicado 

“Se você revirar as nossas descobertas”, diz Light, “a exposição solar insuficiente que temos 8 meses do ano vivendo em um clima do hemisfério norte pode estar promovendo o armazenamento de gordura e contribuindo com o ganho de peso típico que alguns de nós têm no inverno”.

“É cedo, mas não é um salto gigante supor que a luz que regula nosso ritmo circadianorecebida através de nossos olhos, também pode ter o mesmo impacto através das células de gordura perto da nossa pele”, acrescenta.

Os resultados podem abrir caminho para novas estratégias de perda de peso ou terapias baseadas na luz no tratamento de obesidade diabetes.

No entanto, Light adverte contra a adesão dessas descobertas perseguindo literalmente a exposição solar para perder peso, pois ainda existem muitas variáveis que permanecem desconhecidas.

“Por exemplo”, ele explica, “ainda não conhecemos a intensidade e duração da luz necessária para que isso seja ativado”.

Além disso, ele observa: “Há uma grande quantidade de estudos sugerindo que nossa geração atual sofrerá mais com excesso de peso que seus pais e talvez isso alinhe o debate sobre o que é uma exposição saudável ao sol”.

De qualquer forma, esta descoberta emocionante “certamente contém muitas pistas fascinantes para a nossa equipe e outras pessoas ao redor do mundo explorarem”, conclui Light.







"Você já tinha percebido que durante o inverno costumamos ganhar mais peso? Imaginava que poderia ter alguma relação com a luz solar? Comente abaixo!"


ARTIGOS COMPLEMENTARES




fonte:   .mundoboaforma 




UA-90649529-1


comente aqui

01/11/2017


||| 09  (nove)SINALIZA QUE O NÍVEL DE AÇÚCAR NO SANGUE é MUITO ALTO

Você deve saber isso!





Nosso sangue contém açúcar naturalmente, mas é na forma de glicose, e quando seus níveis estão dentro do intervalo normal, suas células e órgãos recebem a energia necessária para o bom funcionamento. 


O nível de açúcar no sangue é controlado pelo uso de insulina, que é o hormônio que seu corpo produz. 
A insulina remove o açúcar do seu sangue e o entrega às células e aos órgãos
Se você tem diabetes tipo, o sistema imunológico do seu corpo começa a atacar as células pancreáticas responsáveis ​​pela produção de insulinae se você sofre de diabetes tipo 2seu pâncreas produz insulina, mas seu corpo não poderá usá-la corretamente.



Alto nível de açúcar no sangue - o que causa isso?  

O alto nível de açúcar no sangue pode ocorrer como resultado de muitos fatores, mas geralmente é causado por um aumento do nível de estresse ou após algumas doenças.


Aqui estão alguns dos gatilhos mais comuns para aumentar os níveis de açúcar no sangue:

- Insuficiência de insulina ou outros medicamentos para diabetes 
- Maior consumo de carboidratos 
- Inatividade física 
- Infecção ou doença 
- Cirurgia ou danos a certos tipos 
- Alguns medicamentos.

Os sinais mais comuns de níveis elevados de açúcar no sangue


Tingling, queimadura ou entorpecimento


Se o nível de açúcar no sangue é alto, você pode sentir coceira ou queimação em seus membros ou se sentir entorpecido. Isso pode indicar que você tem diabetes, porque a neuropatia diabética geralmente se manifesta dessa maneira.


Sentir-se com fome o tempo todo


Se o seu nível de açúcar no sangue é muito alto, seu corpo não terá energia, deve desempenhar suas funções e você começará a experimentar ânsias de comida para que você possa aumentar seus níveis de energia e encontrar uma fonte alternativa de energia nos alimentos.

Visitas freqüentes ao banheiro  

Osaltos níveis de açúcar no sangue geralmente terminam nos rins e passam pela sua urina, exigindo visitas freqüentes ao banheiro. 

Sentir-se sedento o tempo todo
Aumento dos níveis de açúcar nos rins pode fazer você sentir sede o tempo todo.
rápida perda de peso 

Se as células não recebem glicose suficiente, seu corpo começa a queimar músculo e gordura para obter a energia de que necessitam, e pode levar à perda de peso inexplicável e súbita ou ganho de peso, assim que considerar o seu peso para eventuais oscilações inexplicáveis.


Problemas de concentração


Tudo está relacionado ao seu corpoentão um desequilíbrio nos níveis de açúcar no sangue também pode afetar sua saúde mentalo que leva a problemas de memóriadificuldade em concentrar concentrar a atenção.

Fadiga

Quando seu corpo não recebe a energia necessária para suas células, ele pode causar fadiga permanentemente.

As feridas cicatrizam lentamente

Se o nível de açúcar no sangue for alto, 
pode danificar os nervos 
e causar uma cicatrização mais lenta das feridas 
após a lesão
então, se perceber que este é um problema comum, verifique o nível de açúcar.

Visão turva e tonturas

<)
Ambos os sintomas podem ser causados ​​por 
altos níveis de açúcar, 
por isso, se você notar que sua 
visão está embaçada 
ou que muitas vezes sente tonturas
não ignore, 
consulte um especialista.

Fonte

Fonte → 

fonte e créditos:  zhivitezdorovo 

||| UA-90649529-
c1omente aqui

 

28/11/2015




Paralítico é o primeiro do mundo a voltar a andar depois de transplante de células





Em 2010, Darek Fidyka, um polonês de 40 anos, foi atacado a golpes de faca que o deixaram paralítico e sem esperança de um dia voltar a andar.
Isto até pouco tempo atrás. Graças a um novo tratamento com transplante de células, Darek ganhou novamente sensibilidade nas pernas e boa parte do seus movimentos.

Uma equipe de pesquisa do Institute of Neurology, da University College London (Reino Unido), desenvolveu um tratamento com células retiradas do sistema olfatório de Darek, mais especificamente as células glia olfatórias, do bulbo olfatório, para regenerar a coluna que foi partida.

O sistema olfatório é interessante: toda vez que cheiramos algo, as moléculas do odor entram em contato direto com as células nervosas, danificando-as. As células glia olfatórias, ou olfactory ensheathing cells (OECs) em inglês, fornecem um caminho para as fibras nervosas se regenerarem.
 


Uma das vantagens de usar o bulbo olfatório do próprio paciente é que não há perigo de rejeição, e não há a necessidade de tomar medicação anti-rejeição. Embora o procedimento nunca tenha sido usado em seres humanos, ele já havia sido testado em animais.

Em um primeiro procedimento cirúrgico, a equipe retirou um dos bulbos olfatórios de Darek e colocou as células em uma cultura. Duas semanas mais tarde, as OECs foram implantadas na sua coluna, unindo os nervos que haviam sido seccionados no ataque. Cerca de 500.000 células foram colocadas em 100 microinjeções acima e abaixo do ferimento.
Além disso, quatro finos feixes nervosos retirados do calcanhar do paciente foram colocados no espaço vazio de 8mm à esquerda do nervo. Os cientistas acreditam que as células implantadas permitiram a recriação de um caminho nervoso entre os enxertos de nervos e os nervos da espinha.

Darek, que antes da cirurgia fazia tratamento de fisioterapia sem mostras de evolução, começou a apresentar melhoras. Seis meses após a cirurgia, fez a sua primeira tentativa de caminhar ao longo das barras paralelas, apoiando-se nelas.
Atualmente, dois anos depois do tratamento, ele pode caminhar ao ar livre usando um apoio, recuperou a sensibilidade na bexiga e intestino, e também a função sexual. [BBCNews Health]


fonte: hypescience



comente aqui  

 




Postagem em destaque

terceira idade - isso é movimento - bem-estar, alegria, convivência, saúde

comente aqui ▼ |||  ||| UA-90649529-1

Seguidores


buscas populares …apareça nas buscas… cadastre seu web site aqui…/buscas populares…alô negócios !!!…
|| Пост!Featured on Hometalk.com