Ex-governador de São Paulo Orestes Quércia morre aos 72 anos
REUTERS
SÃO PAULO (Reuters) - Morreu na manhã desta sexta-feira o ex-governador de São Paulo Orestes Quércia (PMDB), informou o Hospital Sírio-Libanês.
Aos 72 anos, Quércia lutava contra um câncer na próstata que o afastou das eleições deste ano. Em setembro, o ex-governador renunciou à candidatura a uma vaga no Senado pelo Estado.
Quércia foi uma das poucas lideranças do PMDB que esteve com a candidatura de José Serra (PSDB) à Presidência da República. O partido apoiou oficialmente a petista Dilma Rousseff, tendo o seu presidente nacional, Michel Temer, como candidato a vice eleito na chapa.
Quércia foi governador de São Paulo de 1987 a 1991. Disputou a Presidência em 1994, o governo estadual em 1998 e 2006, o Senado em 2002, mas não venceu nenhuma das eleições. O ex-governador era empresário de setores imobiliário e de comunicações.
(Reportagem de Alice Assunção)

fonte:
http://noticias.br.msn.com